PROATIVIDADE DOCENTE

 

Não há educação de qualidade sem compromisso renovado todos os dias. O compromisso  não passa apenas pela eficiência  na transmissão e aquisição de conteúdos programáticos. O compromisso não tem a avaliação com o fim em si mesmo. O compromisso a que me refiro está na ponte que conduz o discente para a formação de sua cidadania. Trata-se da eficiência humanizada.

            Vez por outra, percebemos a forma arrogante de profissionais das mais diversas áreas. Lemos ou assistimos notícias sobre a disseminação da corrupção. Estupefatos, vemos a estatística da gravidez na adolescência aumentar. Os altos índices de violência só avançam. A inconsciência  ecológica, por outro lado, alastra-se além aquecimento global e encontra sintonia  na poluição, na falta de planejamento urbano, no desmatamento, na produção sem rumo do lixo, na poluição do ar.

Certamente, poderia evidenciar ainda, tantos outros problemas sociais carentes de uma nova condução. No entanto, permito-me dizer que, praticamente, todos são provenientes da falta de formação humana. A família precisa de um novo rumo. No teatro da vida moderna, devemos ser protagonistas, agentes de transformação. Essa maquiagem social oriunda do consumismo, da falta de ética, da lei do Gerson precisa ser combatida. E na mais óbvia saída, não consigo ver outras portas senão as da educação.

Nas quatro paredes de cada sala de aula, o professor precisa fazer o seu papel edificador. Aperfeiçoar-se no seu domínio intelectual sim, mas estreites suas relações com o lapidar humano. Mudar para poder mudar os seus pupilos. Revestir-se de uma postura ética para mostrar a importância disso numa sociedade civilizada. Assumir, de fato, a mais sublime função de educador: seduzir os Seus alunos para o conhecimento, para a cidadania, para a felicidade, para o bem comum.

       ''Uma pessoa considerada proativa é aquela que não espera os problemas acontecerem para tomar uma decisão ou atitude. Ao contrário das pessoas reativas, os proativos não reagem simplesmente, eles tomam a frente das situações e tentam resolvê-las da maneira mais eficiente possível. São pessoas que buscam conhecimento constantemente, em qualquer situação, uma vez que precisam estar muito bem preparadas para prevenir ou remediar problemas em diversas ocasiões." Então, professor, cuide enquanto há tempo. Busque otimizar a parceria dos pais com a escola. Seja proativo e contribua, decisivamente, para a formação de uma sociedade cujos cidadãos sejam competentes, questionadores, regrados, humanos.

                                                                                        Aldo Luna

                                                                                                                                                                            Dezembro de 2009